A vida é filme


Vocês tomaram a (sábia) decisão de contratar uma equipe de filmagem para registrar cada um dos momentos especiais do dia do casamento?

Ótimo, agora é a hora de saber o que deve ser levado em conta na hora de escolher os profissionais que vão filmar o casamento para que o resultado seja positivo e não um desastre, né?

Convidei a Clara da Uva Rosa Filmes para dar dicas para vocês do que vocês devem observar na hora de escolher os fornecedores de filmagem do dia do casamento! Nada como falar com quem entende do assunto, né?

Frufru

A vida é filme

“Algumas vezes, um clichê é a melhor forma de se explicar um ponto de vista”. Gosto muito dessa frase do Woody Allen, pois um dos clichês que mais escuto – e falo também! – é “minha vida daria um filme”.

Se a vida é filme, o casamento é a cereja do bolo (oi, clichê). A convite da Bel, elenquei dicas para o casal prestar atenção na hora de contratar uma equipe de filmagem.

Centrei as escolhas na importância dos profissionais que farão diferença. Afinal, este momento merece todo o cuidado para ser eternizado com a delicadeza que merece.

Uva-Rosa-Materia (3)

Uva-Rosa-Materia (4)

A estrutura que recomendamos e que acreditamos que faça a diferença técnica e estética – além, claro, da bagagem e olhar dos profissionais envolvidos, é a seguinte:

1) Operador de som: ao gravar um vídeo em celular ou em uma câmera, com a captação do áudio direta, sons e ruídos ficam com o mesmo peso na gravação. Isso quer dizer, por exemplo, que a voz dos noivos pode se misturarà música da festa ou que o pronunciamento do padre pode ser gravado mais baixo que os rumores dos convidados. O operador de som garante a captação em vários canais, assegurando um registro de áudio “limpo” e direcionado. Imagine assistir ao filme da sua vida com ruídos que impedem de ouvir, com clareza, padrinhos, amigos, família?

2) Operadores de câmera: qualquer casamento reúne uma infinidade de acontecimentos simultâneos. Usar mais de um operador ajuda não deixar passar cenas que, muitas vezes, os noivos não presenciam. Durante a cerimônia, uma câmera exclusiva para a noiva, outra para o noivo e uma terceira, para captar momentos diversos me parece uma boa proposta. Assim, se garante o registro de detalhes dos protagonistas sem perder de vista os convidados e suas emoções. O impacto na edição é enorme, pois evita a monotonia de se ter um plano só, confere uma dinâmica interessante e deixa a narrativa mais fiel e repleta de nuances e ângulos distintos;

Uva-Rosa-Materia (5) Uva-Rosa-Materia (7)

3) Assistente de câmera: é ele quem resolve os imprevistos para que os operadores só se preocupem em filmar. Pode parecer exagero, mas os momentos são únicos: imagine deixar de registrar a daminha-de-honra correndo em direção ao noivo porque o câmera está trocando as lentes?

4) Diretor de fotografia: é ele quem vai cuidar da homogeneidade da luz, equalizando os tons para evitar sombras ou excessos de claridade.Isso garante a coerência entre as cenas captadas pelos cinegrafistas.

5) Direção: é o olho que tudo vê. Sua função é zelar pelo trabalho dos profissionais para garantir que tudo esteja acontecendo da melhor maneira. Obviamente, todos recebem roteiros prévios, mas como estão centrados em suas atividades podem perder momentos que valem ser registrados.

Uva-Rosa-Materia (1) Uva-Rosa-Materia (6)

 

Ou seja, são seis profissionais no total. Delegamos um profissional para cada quesito importante. No dia da filmagem todos devem estar presentes.

Descrever a importância desses profissionais pode soar bem abstrato. A turma do Porta dos Fundos fez um vídeo que exemplifica a falta que eles fazem em uma produção. Ele pode ser visto aqui

Desejo que o grande dia seja perfeito e que o “filme de sua vida” seja o mais belo e emocionante possível!

Uva-Rosa-Materia (2)

Frufru

Uva Rosa Filmes

Telefone: (31) 8304-4334
E-mail: uvarosafilmes@gmail.com
Vimeo: https://vimeo.com/user39173077

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *